Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sweet Stuff

"Who in the world am I? Ah, that's the great puzzle!"

Alice's Adventures Underground | Lewis Carroll

Hoje trago-vos uma opinião sobre o manuscrito original que, mais tarde, deu origem à história que conhecemos como Alice no País das Maravilhas. É um livro interessante para quem é fã da Alice, mas para aqueles que nunca leram o livro, não sei se recomendaria Alice's Adventures Underground.

 

Foto retirada daqui.

Basicamente esta é a mesma história, mas numa versão mais curta, sem várias das personagens que mais tarde figuram no texto publicado, tais como o Chapeleiro Louco, a Lebre de Março, o Gato de Cheshire, etc. A edição que possuo tem uma introdução que explica logo à partida as personagens que não figuram na história, por isso este aspecto não foi, para mim, uma surpresa. 

Gostei da introdução que está bastante completa e explica ao leitor o processo de publicação da obra, a razão do seu sucesso instantâneo e a transição entre este manuscrito e o trabalho final. As ilustrações de Santore são belíssimas, mantendo o traço clássico da ilustração a preto e branco detalhada de Tenniel.

Apesar de gostar mais da obra final, achei esta leitura muito interessante, pois estava constantemente a comparar os dois livros na minha cabeça. "You are Old Father William", o meu poema preferido da obra, já existia no manuscrito original, o que me deixou muito muito feliz ao lê-lo.

Classificação final: 4 estrelas

Novo na estante | Little Women

Recebi este menino lindo em Junho e não podia deixar de vos mostrar algumas fotografias.

mulherzinhas.JPG

*Quando o teu livro combina com o teu outfit ;)*

mulherzinhas ii.JPG

O livro faz parte da colecção "Puffin in Bloom". Os outros títulos são Heidi, Anne of Green Gables e A Little Princess.

endpapers.JPG

Antes da primeira e depois da última página vem com estas ilustrações que estão relacionadas com a história.

in bloom.JPG

Estou agora a lê-lo e estou a gostar bastante. Outra coisa que me agradou muito nesta colecção é que todos os livros são escritos por mulheres e têm temas de "coming-of-age", tratam, de alguma forma da mudança e do crescimento das personagens principais que, em todas as obras da colecção, são personagens femininas.

Já alguém aqui leu Mulherzinhas?

Sim, eu tenho mau feitio

Talvez por ter crescido com o meu pai, pessoa que gritava "PORCO/A" da janela do carro sempre que algum condutor atirava lixo para a estrada, sinto que às vezes não sei domar o meu mau feitio. Considero-me uma pessoa muito pacífica, mas acho que, frequentemente, as pessoas esquecem-se que segurar a porta fica bem, mas não é uma obrigação. Se alguma vez virem uma maníaca a gritar "DE NADA" após segurar uma porta para 15 pessoas que decidiram passar ao mesmo tempo, já sabem quem é. 

Resultado de imagem para you're welcome gif

O dia em que deixei de colocar álcool no cabelo

Hoje em dia muito se fala sobre comer saudável: evitar glúten, evitar alimentos geneticamente modificados, etc e tal. No entanto, não tenho ouvido muita a gente a falar sobre aquilo que colocamos na nossa pele e no nosso cabelo. 

 

Há muitos anos que experimento vários tipos de champô no meu cabelo, uns que dizem ser para cabelos longos, outros para cabelos secos, ou cabelos ondulados, várias marcas, vários preços, Porém, nunca estive 100% satisfeita com um champô. Até que comecei a ponderar. Se tinha tanta atenção aos rótulos da comida, por que é que não haveria de ter aos rótulos dos produtos de higiene?

 

 

Após decifrar algumas coisas, entendi que todos os champôs que alguma vez tinha experimentado tinham álcool, sulfatos, parabenos e silicones. Estava a colocar álcool, alumínio, plástico no meu cabelo. Sim, mesmo aqueles que diziam 0% álcool, este era um dos primeiros ingredientes a aparecer.

 

Hoje em dia já não necessito de amaciador ou máscara. Uso apenas o champô na lavagem e serve-me perfeitamente. Ao contrário do que possam pensar, não pago mais por isso. Compro o champô da marca Rampal Latour na Miosótis (um supermercado bio em Lisboa) e um litro fica-me por 10,45€. Sei que nem toda a gente mora em Lisboa, mas aconselho quem queira experimentar, procurar opções em lojas tipo Celeiro. Ajudamos o ambiente e ajudamo-nos a nós próprios. Nunca fiquei mais feliz com o meu cabelo e mais tranquila com a minha consciência.

 

ABOUT ME

Sonhadora a tempo inteiro & blogger em part-time. Adora livros, antiguidades e flores na cabeça. Escreve textos pseudo-românticos quando está para aí virada. É fã de dançar ballet na cozinha e cantar no chuveiro. O seu pé direito insiste em ser torto e não há como o emendar. Nunca diz que não a uma chávena de chá.
(+ sobre mim)

DAILY LOVE

Read the Printed Word!

2017 Reading Challenge

Dizzy Lizzie has read 0 books toward her goal of 10 books.
hide

PARTNERS

WOOK - www.wook.pt

SPREAD THE LOVE!

SweetStuff