Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sweet Stuff

Neste blog fala-se sobre livros, viagens, ballet e muito mais.

Sex | 31.01.20

PARA FEVEREIRO: UM CLÁSSICO RUSSO 📚

#lerosclassicos fev.png

Fevereiro foi o mês em que começou a Revolução de 1917 e, por isso, a Bárbara desafia-nos a escolher um clássico russo para ler.

Para fugir um bocadinho ao cânone e também evitar calhamaços (Guerra e Paz, cof, cof), decidi procurar clássicos russos escritos por mulheres. Ficam abaixo algumas sugestões de autoras para explorar:

  • Marina Tsvetaeva
  • Anna Akhmátova
  • Teffi (Nadejda Aleksandrovna Lokhvitskaya)

Em princípio vou ler os poemas de Tsvetaeva (estão traduzidos para português pela Relógio d'Água), ou Subtly Worded, uma colecção de contos de Teffi (infelizmente *que eu saiba* não há nada dela traduzido por cá). 

 

Que livro escolheriam para esta categoria? Têm algum clássico russo favorito?

Se também aderirem ao desafio da Bárbara utilizem a tag #lerosclássicos para eu ver os vossos posts.

Boas leituras! 📚

Qua | 22.01.20

TRUQUES PARA POUPAR DINHEIRO EM LIVROS 📚

chelsea o'byrne 2.jpg

Ilustração de Chelsea O'Byrne

 

1. Registar os preços dos livros na nossa wishlist

Se algum dia quiserem vasculhar o meu telefone vão-se aperceber que 50% dos ficheiros que tenho são capturas de ecrã de livros que quero comprar. Faço isto para acompanhar o preço e saber, mais tarde, (na Black Friday, ou outras promoções) se os preços efectivamente baixaram, aumentaram, ou estão idênticos. 

 

2. Activar notificações de descida de preços

Nem todas as livrarias online têm esta opção, mas nas que têm é aproveitar! Esta dica deve ser acompanhada pela anterior, pois, muitas vezes, os preços vão oscilando e podemos estar a ser enganados (o clássico metade pelo dobro). Sei que o Book Depository tem esta opção. Se conhecerem mais algum site que tenha digam-me nos comentários!

 

3. Vasculhar a secção das "pechinchas"

No Book Depository é a bargain shop. A WOOK tem agora a campanha dos saldos e a Bertrand a dos preços mini. Ao longo do ano vão tendo outros nomes, mas costuma haver sempre uma secção nestas livrarias dedica aos livros com 50% de desconto, ou mais. 

 

4. Ler em Inglês

Este não tem grande segredo. Ler em Inglês sai mais barato, temos acesso a livros que não são traduzidos cá e ainda desfrutamos de ler no original. Já fiz um post aqui no blog sobre os locais que recomendo para comprar livros em Inglês (podem ver aqui). 

 

5. Usufruir do primeiro mês grátis de uma app de leitura

Há várias apps de leitura que oferecem o primeiro mês de utilização de graça. Eu experimentei o scribd o ano passado e gostei muito. Tem ebooks, audiolivros, revistas e partituras. Se quiserem inscrever-se através do meu link, ficam com dois meses gratuitos (e eu com mais um). Depois contem-me o que acharam! 

 

E vocês, que truques utilizam para poupar em livros? 😊

Qua | 15.01.20

DESAFIO | LER OS CLÁSSICOS 2020 📚

A Bárbara lançou um desafio que nos motiva a ler mais clássicos em 2020. 

Desafio Clássicos Imagem.jpg

 

Inspirada pelo desafio decidi criar esta imagem em que podem ver as categorias para cada mês. Já comecei o meu de Janeiro com as Metamorfoses (que espero conseguir terminar).

Encaixei o máximo de livros possível que tenho na estante às questões, mas estou aberta a sugestões (principalmente para clássicos asiáticos/africanos e clássicos sobre uma guerra).

Entretanto a Bárbara também fez um post com algumas recomendações de livros para quem tem medo de ler clássicos.

 

Que livro escolheriam para este mês? Se também aderirem ao desafio da Bárbara utilizem a tag #lerosclássicos para eu ver os vossos posts.

Boas leituras! 📚

Ter | 14.01.20

FIM-DE-SEMANA OFFLINE 1/52 ☕

no internet weekend.png

 

Iniciei no final da semana passada o meu primeiro fim-de-semana offline do ano. Descobri este desafio de não utilizar a internet durante o fim-de-semana com a Cláudia e adorei a ideia. Por isso, vou continuar a colocar em prática ao longo de 2020. 

Comecei o meu fim-de-semana offline na sexta feira à tarde e terminei domingo à noite. Durante estes dois dias consegui:

 

  • Fazer um bolo mármore;
  • Ver dois filmes;
  • Tirar medidas da sala;
  • Lavar e estender a roupa em falta;
  • Ler ao sol. 

 

É claro que nem sempre posso controlar o que tenho para fazer durante o fim-de-semana, mas para os próximos quero aproveitar o tempo offline para me dedicar mais ao piano e à jardinagem.

 

E vocês, já conheciam este desafio?  😊

Pág. 1/2